/home/crp03/public_html/wp-content/themes/crp-03/single.php
Início  →  Notícias  →  Pandemia aumenta índice de violência contra pessoas idosas

Pandemia aumenta índice de violência contra pessoas idosas

Dados do Disque 100 – serviço telefônico de recebimento, encaminhamento e monitoramento de denúncias de violação de direitos humanos – apontam que o Brasil registrou mais de 33,6 mil casos de violações contra pessoas idosas, somente no primeiro semestre de 2021. O número de denúncias já vinha em crescimento desde o ano passado, com o início da pandemia do novo coronavírus.

Essa violência pode ser física, psicológica, institucional, patrimonial, sexual, além de abuso financeiro, negligência e discriminação. No Brasil, o Estatuto do Idoso regula os direitos assegurados às pessoas com idade igual ou superior a 60 anos. A publicação traz em seu Artigo 4º que “Nenhum idoso será objeto de qualquer tipo de negligência, discriminação, violência, crueldade ou opressão, e todo atentado aos seus direitos, por ação ou omissão, será punido na forma da lei”.

No âmbito da Psicologia, o Conselho Regional de Psicologia da Bahia (CRP-03) possui o Grupo de Trabalho Psicologia, Envelhecimento e Velhice (GTPEV), que discute temas relacionados às pessoas idosas. O GT já promoveu diversos eventos que podem ser acessados através do canal crp03vídeos, no Youtube.

Respeito, liberdade, dignidade e integridade às pessoas idosas!

Para a data, a Biblioteca do CRP-03 compartilha estratégia de busca com resultados no REFNET. 

Baixe o arquivo aqui.