/home/crp03/public_html/wp-content/themes/crp-03/single.php
Início  →  Sem categoria  →  Dia Internacional de Luta pela Saúde da Mulher e Dia Nacional de Redução da Mortalidade Materna

Dia Internacional de Luta pela Saúde da Mulher e Dia Nacional de Redução da Mortalidade Materna


Reforçando sobre a necessidade de prevenção e cuidado com a saúde das mulheres, principalmente para o urgente enfrentamento da problemática da morte materna, o dia 28 de maio demarca o Dia Internacional de Luta pela Saúde da Mulher e o Dia Nacional de Redução da Mortalidade Materna.

Assustadoramente, 830 mulheres morrem todos os dias por complicações relacionadas à gravidez ou ao parto em todo o mundo, de acordo com dados da Organização Pan-Americana da Saúde/Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS).

Importante indicador de qualidade da saúde e inaceitavelmente alta, a mortalidade materna é muito maior entre mulheres negras, pobres, jovens e residentes em áreas rurais. Ou seja, reflete as desigualdades sociais e raciais no acesso aos serviços de saúde, a partir dos marcadores de exclusão.

Considerando que a maioria das complicações que se desenvolvem durante a gravidez podem ser evitadas e tratadas, é urgente reduzir ainda mais a mortalidade materna.

O Conselho Regional de Psicologia da Bahia reitera a importância de garantir às mulheres atenção integral à saúde mental, reprodutiva, materna e neonatal.

 

Skip to content