/home/crp03/public_html/wp-content/themes/crp-03/single.php
Início  →  Notícias  →  Conselho destaca a diversidade na configuração das famílias

Conselho destaca a diversidade na configuração das famílias


Esta data foi criada pela Organização das Nações Unidas (ONU), no ano de 1993, para lembrar que a família possui um papel de grande importância na formação de cada ser humano e por conta disso, este grupo social merece a devida atenção. Segundo a ONU, para chegarmos a um mundo mais igualitário e justo, é necessária a existência de políticas voltadas para os núcleos familiares, sobretudo os mais vulneráveis.

Quando se fala em famílias, as falas na contemporaneidade ainda seguem no modelo familiar singular (família), que muito se reproduz acerca do modelo patriarcal. Entretanto, é preciso debater sobre novas configurações, aliás, sobre as que sempre existiram, mas eram invisíveis. Não podemos naturalizar as famílias nucleares, heteronormativas, rigidamente binárias, determinadamente consanguíneas, nem tampouco hierarquizadas tendo sempre na figura masculina no local de figura do chefe. Sendo assim, pautada pelo direcionamento inegociável dos Direitos Humanos, a Psicologia está disponível para a sociedade, no que diz respeito à ampliação do fazer/saber em saúde mental sobre todas as configurações familiares.

O Conselho Regional de Psicologia da Bahia (CRP-03) aproveita o dia de hoje para reforçar que as famílias se constituem nas mais diversas configurações e que todas elas devem ser respeitadas. Destacamos o III princípio fundamental do Código de Ética da/o Psicóloga/o que traz “A/o psicóloga/o atuará com responsabilidade social, analisando crítica e historicamente a realidade (…), social e cultural”. 

As famílias são plurais, a Psicologia também!

Skip to content